quinta-feira, 10 de março de 2011


"Uma mulher não perdoa uma única coisa no homem: que ele não ame com coragem. Pode ter os maiores defeitos, atrasar-se para os compromissos, jogar futebol no sábado com os amigos, soltar gargalhada de hiena... Qualquer coisa é admitida, menos que não ame com coragem.
Amar com coragem não é viver com coragem. É bem mais do que estar aí. Amar com coragem não é questão de estilo, de gosto, de opinião. Não se adquire com a família, surge de uma decisão solitária. Amar com coragem é caráter. Vem de uma obstinação que supera a lealdade. Vem de uma incompetência de ser diferente. Amar para valer, para dar torcicolo. Não encontrar uma desculpa ou um pretexto para se adaptar, para fugir, para não nadar até o começo do corpo. Não usar atenuantes como “estou confuso”.
Não se diminuir com a insegurança, mas se aumentar com a insegurança.. Não desmarcar um amor pela amizade. Não esquecer de comentar pelo receio de ser incompreendido. Não esquecer de repetir pela ânsia da claridade. Amar como se não houvesse tempo de amar. Amar esquisito, de lado, ainda amar. Amar atrasado, com a respiração antecipando o beijo. Amar com fúria, com o recalque de não ter sido assim antes. Amar decidido, obcecado, como quem troca de identidade e parte a um longo exílio. Amar como quem volta de um longo exílio...
Amar com coragem, só isso."

Fabrício Carpinejar.


22 comentários:

  1. texto muto bom. Amar, esse verbo que nos faz tudo ou nada...
    vou seguir seu blog

    ResponderExcluir
  2. É, amar com coragem. É isso! HAHA
    Perfeito esse texto. Melhor ainda é perceber que te amam com coragem. *-*
    Beijos e Queijos!;*

    http://mundoforadagua.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá querida.
    Que lindo este texto. O Fabrício é sempre muito bom e você sempre com um bom gosto extremo.
    Querida você poderia me fazer um favor?

    me ensina como você coloca em seu blog as páginas separadas assim como há no início da página? 'Início, Sobre o Cigarros'...
    Queria fazer uma página separada para os selos pq já está muito cheio na página dos posts.

    Beijos mil e obrigada ^^

    ResponderExcluir
  4. basta amar com coragem...e na maioria das vezes isso não acontece!!

    bjinhus...

    ResponderExcluir
  5. Muito interessantee!

    "Não desmarcar um amor pela amizade." = Covardia msm!

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Lindo texto! Adorei seu blog. Chiclette e cigarrette = perfect. Super abraço!

    ResponderExcluir
  7. Ah, gostei bastante \o/ liiindo *-*
    É para se refletir, mesmo.
    :)
    Desculpa por ter sumido esses dias... mas estou de volta *-* (saudade daqui)

    Abraço ;)

    ResponderExcluir
  8. Oi flor.
    Nem sei como agradecer. Deu tão certinho.
    Super lindo ficou.
    Ah e pode deixar que vou seguir seu conselho à risca. Vou usar a dor por inteiro. Juro que vou.
    Mil vezes obrigada. ^^

    Mil beijos.

    ResponderExcluir
  9. o Fabricio Carpenejar é muito bom! Adorei o post. Bom fim de semana pra você, Morena

    ResponderExcluir
  10. Amo esse texto do Carpinejar, guria. E não perdoamos, mesmo. Perdi ano passado um relacionamento por covardia da outra parte. É foda, chegamos a pensar que o problema é com a gente, quando na verdade nem é nada. Tenso!
    Beijoca

    ResponderExcluir
  11. Acho muito mais interessantes as pessoas que não tem medo de amar... ter coragem sim, de ir frente, cair, reerguer-se, levantar quantas vezes for preciso... nada mais corajoso e nada mais compensador...
    ganhastes mais uma seguidora... bjoO

    ResponderExcluir
  12. Adoro o Carpinejar.. Amei o texto.. Sorte!

    ResponderExcluir
  13. Fiquei sem palavras!
    Que imensidão, meu Deus!
    Adorei!
    Beijos meus querida amiga!
    Um bom final de semana

    ResponderExcluir
  14. Ahh que lindo texto, Carpinejar e seus escritos fantásticos. Concordo, amar sem coragem é pecado fatal. Lindo post, estava com saudades de vir aqui!:)
    bjsss

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Te ofereço um Meme Literário!
    Passa lá no meu cantinho para pegar!
    Beijos meus
    Um bom final de semana!

    ResponderExcluir
  16. Tem um presente pra você no meu blog:

    http://meninasegredos.blogspot.com/2011/03/meu-selo-agradecimento.html

    Se gostar e aceitar, comente!

    Bjaum.*.*.

    ResponderExcluir
  17. Concordo plenamente, embora eu, até hoje, não chamasse essa postura de "amar com coragem".

    Bonito, gostei!

    =**

    ResponderExcluir
  18. Como seu blog é fofinho;
    Um meme vim te trazer!

    http://migre.me/42Qxo
    E antes que diga alguma coisa;
    Obrigada por responder!

    ResponderExcluir
  19. Vou ser franca e dizer que é a primeira vez que escuto falar sobre Fabrício Carpinejar. E com esse texto eu posso dizer que fiquei completamente encantada. É um belo texto repleto de interpretações e que deve ser lido. Com toda a certeza um amor deve ser um amor com coragem.
    Adorei seu blog!
    Beijos

    ResponderExcluir